Pesquisa realizada pela Netskope mostrou que a empresa média possui em média 1.181 serviços sendo utilizados na nuvem, o grande perigo é que a maioria deles não possui os requisitos mínimos de segurança para o ambiente corporativo.

Para determinar se um app é pronto para o ambiente corporativo ou não a pesquisa usou mais de 40 parâmetros, incluindo: continuidade do negócio, segurança dos dados, controle de acesso, privacidade e auditoria. Os serviços em nuvem foram categorizados entre baixa aptidão, média, alta e excelente.

Os departamentos de Recursos Humanos e Marketing são os grandes responsáveis pela adoção de serviços em nuvem. A média de apps de RH em uma empresa chega a 139. Esse departamento vem sistematicamente substituindo plataformas que eram on-premise para a nuvem, mesmo que não sendo sancionado pela TI e Segurança.

Para tornar o cenário ainda mais complexo, departamentos de Marketing e Recursos Humanos lidam com dados muito sensíveis, as informações sobre clientes e colaboradores. Com a chegada do GDPR, auditar e aplicar as políticas de segurança sobre essas aplicações e os dados utilizados torna-se imprescindível para a TI e Segurança.