Todo ano é a mesma coisa: chega a época das festas e é hora de dar a largada nas compras de Natal. Seja para garantir os presentes da família, dos amigos, ou mesmo para aproveitar as promoções, a questão é que o consumo aumenta e o fluxo de vendas pela internet também, atraindo o olho gordo de hackers por golpes em quem está desavisado e vai atrás de qualquer oferta. Duvida? De acordo com um parecer recente da consultoria de segurança da Trend Micro, a quantidade de ameaças de phishing, malware, vírus e outras formas de golpe cresce consideravelmente nos meses de novembro e dezembro, impulsionada pelas compras de Natal. Os hackers aproveitam-se do impulso consumista dos clientes a partir de anúncios falsos, ofertas realizadas por spam no e-mail e sites de compra fakes para dar golpes e levar vantagem em cima de consumidores desavisados. 

Ainda de acordo com o relatório, uma nova modalidade de ameaça está sendo utilizada pelos criminosos, os questionários online. Alguns desses questionários oferecem a chance de ganhar um produto de alto valor a partir de um sorteio entre quem preencher informações. Mesmo que o sorteio realmente aconteça, os dados reunidos podem ser cruciais para que os criminosos descubram senhas pessoais e realizem os ataques. Portanto, na dúvida, não preencha nada.

Diante dessas preocupações, a Trend Micro elaborou um pequeno guia contendo algumas recomendações para as compras online de final de ano. Veja a seguir as principais dicas para evitar que você se torne mais uma vítima:

  • Evite redes abertas e ambientes públicos: está de bobeira no shopping, saguão do aeroporto utilizando o sinal de wi-fi e quer aproveitar para fazer umas compras online? Péssima ideia! Você pode acabar compartilhando dados como o número do cartão de crédito. Além disso, algum hacker pode estar naquela rede esperando justamente alguém realizar uma compra para interceptar os dados. Só faça compras online quando conectado a uma rede segura.
  • Favorite os sites mais utilizados: se você já possui algumas lojas nas quais realiza as compras com frequência, favorite esses sites. É muito comum que os criminosos cadastrem endereços com erros de digitação para que você, em um momento de desatenção, caia nessas armadilhas.
  • Utilize somente app’s oficiais: diversos sites de compras já oferecem a opção para compra online a partir de dispositivos móveis. Para isso, certifique-se de baixar o app na loja oficial do Android, iOS ou Windows Phone.
  • Cuide do pagamento: transferências online podem ser muito perigosas, pois o dinheiro pode ir diretamente para a conta do criminoso, sem que você perceba. Prefira realizar os seus pagamentos com cartão de crédito ou PayPal. No caso de boletos bancários, é preciso olhar com muita atenção para o documento gerado, pois, no caso de erros ou nome da empresa incorretos, o boleto pode ser uma fraude.
  • Proteja o ambiente de compra: quando comprar online, diversos fatores devem ser levados em consideração, assegure-se de ter uma excelente ferramenta de segurança instalada no computador e nos dispositivos móveis. Utilize somente senhas complexas e leia os termos de uso, saber as diretrizes da empresa pode te salvar de algum golpe.

Veja mais em: http://about-threats.trendmicro.com/ebooks/how-to-safely-shop-online/#/8/

Exemplo de golpe aplicado no fim de ano.

Exemplo de golpe aplicado no fim de ano.